terça-feira, 15 de agosto de 2017

Salomão filho de Gabirol

Página do Kether-Malkuth.

"Sois um, o começo de todos os números, o fundamento de todos os edifícios;

sois um e, no segredo de vossa unidade, os homens mais sábios perdem-se porque não a conhecem.

Sois um, e vossa unidade nunca diminui, nem aumenta, nem sofre nenhuma alteração.

Sois um, mas não como o um em matéria de cálculo, pois vossa unidade não admite nem multiplicação, nem mudança, nem fórmula.

Sois um, para quem nenhuma de minhas fantasias pode fixar definição: eis por que vigiarei minha conduta, evitando cometer faltas com a língua.

Sois um enfim, cuja excelência é tão elevada que não pode cair de maneira alguma, e não como em um que pode deixar de ser."


"Sois existente; entretanto, o entendimento e a vista dos mortais não podem atingir vossa existência nem colocar em vós o onde, o como e o porquê.

Sois existente, mas em vós mesmo, uma vez que outro não pode existir convosco.

Sois existente desde antes do tempo e em lugar algum.

Sois enfim existente e vossa existência é tão oculta e tão profunda que ninguém pode descobri-Ia ou penetrar seu segredo."


"Sois vivo, mas não desde um tempo conhecido e fixo;

sois vivo, mas não por um espírito e uma alma; pois sois a alma de todas as almas.

Sois vivo, mas não como as vidas dos mortais, que são comparadas a um sopro, e cujo fim será o alimento dos vermes.


Sois vivo, e aquele que puder atingir vossos mistérios desfrutará as delícias eternas e viverá para sempre."

"Sois grande, e perto de vossa grandeza todas estas grandezas se curvam, e tudo o que há de mais excelente torna-se defeituoso.

Sois grande, acima de qualquer imaginação, e elevai-vos acima de todas as hierarquias
celestes.

Sois grande, acima de toda grandeza, e sois exaltado acima de qualquer louvor.

Sois forte, e nenhuma de vossas criaturas fará as obras que fazeis e nem sua força poderá ser comparada à vossa.

Sois forte, e é a vós que pertence essa força invencível que não muda nem se altera nunca.

Sois forte, e por vossa magnanimidade perdoais no momento de vossa mais ardente cólera, e mostrai-vos paciente para com os pecadores.

Sois forte, e vossas misericórdias que sempre existiram estendem-se para todas as vossas criaturas.

Sois a luz eterna que as almas puras verão e que a nuvem dos pecados ocultará aos olhos dos pecadores.

Sois a luz que é oculta neste mundo e visível no outro, onde a glória do Senhor se mostra.

Sois soberano, e os olhos do entendimento que desejam vervos estão inteiramente espantados por só poderem atingir de vós uma parte e nunca o todo.

Sois o Deus dos deuses, testemunham-no todas vossas criaturas; e em honra desse
grande nome todas devem render-vos culto.

Sois Deus, e todas as criaturas são vossas servidoras e vossas
adoradoras; vossa glória não é embaçada mesmo que outros sejam adorados, porque a intenção deles é a de se dirigir a vós; são como cegos, cujo objetivo é seguir o grande caminho, e perdem-se. Um afoga-se num poço e o outro cai numa fossa; todos, em geral, acreditam ter alcançado seus desejos e, no entanto, cansaram-se em vão. Mas vossos servidores são como clarividentes que andam num caminho seguro, e que dele nunca se afastam, nem à direita, nem à esquerda, até que entrem no adro do palácio do rei.

Sois Deus que sustentais por vossa deidade todos os seres e que socorreis por vossa unidade todas as criaturas.

Sois Deus, e não há diferença entre vossa deidade, vossa unidade, vossa eternidade e vossa existência; pois tudo é um mesmo mistério; e, embora os nomes variem, tudo retorna ao mesmo.

Sois sábio, e essa ciência, que é a fonte da vida, emana de vós mesmo; e em comparação com vossa ciência os homens mais sábios são estúpidos.

Sois sábio e o antigo dos antigos, e a ciência sempre alimentou-se convosco.

Sois sábio, e não aprendesses a ciência com ninguém, e tampouco a adquirisses de outro senão de vós.

Sois sábio e, como um operário e um arquiteto, reservasses de vossa ciência uma divina vontade, num tempo marcado para atrair o ser do nada; do mesmo modo que a luz que sai dos olhos é atraída de seu próprio centro sem nenhum instrumento ou ferramenta. Essa divina vontade cavou, traçou, purificou e fundiu; ordenou ao nada abrir-se, ao ser aprofundar-se e ao mundo estender-se. Mediu os céus com o palmo, com seu poder reuniu o pavilhão das esferas, com o laço de seu poder cerrou as cortinas das criaturas do universo e, tocando com sua força a ponta da cortina da criação, uniu a parte superior à inferior."

...

domingo, 13 de agosto de 2017

Alessandro Cagliostro

"Não venho de nenhum lugar, e não pertenço a tempo algum. Fora do tempo, meu ser espiritual vive sua existência eterna"


...

sábado, 1 de julho de 2017

Cena do Musical Os Miseráveis

Uma cena que pode transformar vidas e nos passa quatro lições transcendentais:


1- Olhar o situação de vários ângulos ou perspectivas, ou pontos de vista; Não seria talvez se colocar no lugar de outrem?

2- O perdoar cura a alma, o dividir é amar o próximo sem desprezar a si mesmo e pode curar a matéria.

3- O perdão que se concede a alguém que erra não deve tirar a razão de alguém que pune, que em sua função honra seu trabalho.  Não seria isto o reconhecimento? para que não se sinta em vão?.

4- A truculência, a ira  e o fervor das paixões humanas são antagônicos ao Amor, não seria este o mediador? como Cristo o foi?.




...

Bertram Keight

"O mundo é um problema que não se resolve, só porque a percepção deixa de coincidir com a realidade"

Bertram Keight


...

Edgar Allan Poe

Take this kiss upon the brow!
And, in parting from you now
Thus much let me avow
You are not wrong, who deem:
Yet if hope has flown away
In a vision, or in none,
Is it therefore the less gone?
All that we see or seem
Is but a dream within a dream.
I stand amid the roar
Of a surf-tormented shore,
An I hold within my hand
Grains of the golden sand -
How few! yet how they creep
Through my fingers to the deep,
While I weep - while I weep!
O God! can I not grasp
Them with a tighter clasp?
O God! can I not save
One from the pitiless wave?
Is all that we see or seem
But a dream within a dream?

Edgar Allan Poe

...




sexta-feira, 30 de junho de 2017

Spinoza

"Não existe na natureza coisa particular que não tenha por cima outra coisa mais possante e forte"

                                                                                           Spinoza


...

Amor com verbo e amor sem verbo

Amor com verbo e amor sem verbo

Dois simples e adoráveis gestos 
de uma  mulher para 
encantar um verdadeiro homem;
Quero um filho teu, 
e o seu olhar de película 
sobre o seu amado
enquanto bate um prego na parede

Renato Victor

...

T. More

"Deus é tão poderoso na estrebaria quanto no templo. E como não e compreensível nem circunscrito em parte alguma, assim portanto está presente em toda parte"

T. More



...
  

Figanière

"a onipresença é justamente o inverso de manifestação; tudo o que se manifeste vai sobe a lei do espaço, que é a limitação" 

Figanière


...



?O que é a onipresença?

"o espírito é nada, no sentido de não ser coisa. Mas sendo realidade, sem ser coisa alguma, não pode o espírito ser localizado, pois isto fora parvi-presença; mas deve estar em toda parte ( sem estar dentro ou fora de uma qualquer coisa), e isto significa onipresença"

Figanière

...


Figanière

" o ideal acerca do espírito é constituir a consciência no abstrato."

...


domingo, 25 de junho de 2017

terça-feira, 6 de junho de 2017

Longos anos

Longos anos

Longos anos se passaram
encostei nossas lembranças
em um quarto abandonado
e de tempo em tempo
me pus a contempla-lo

longos anos se passaram
e não me desapeguei
de algo que vivi
um olhar, um abraço, 
uma conversa

longos anos se passaram
construí pontes e castelos
para em meu mundo
continuar a viver
mesmo sem você

mas em meus livros de poesia
você sempre foi 
a personagem principal

longos anos se passaram
e descobri que sentimentos
não se rompem
mas que são o barco
para me tornar consciente

consciente de que a tua felicidade
complementa a minha
não haveria dor maior
a de te ver sofrer 
com outra pessoa

que ditosas sejam nossas vidas 
agora inexoravelmente sei
que me tornei
um ser melhor

onde não há dúvida e remorso
a tela da vida é pintada
com as mais inefáveis e rutilantes cores
pelo maior artista Deus
com o melhor pincel o amor


Renato Victor 06/06/2017

 
...

domingo, 4 de junho de 2017

Insatisfação

Insatisfação

Não desejo só corpo no corpo
não desejo só beijo no rosto
muito menos um breve consolo

além de beijo na boca
quero mais beijo na alma

...

Renato Victor